SOBRE A OPALA E A CIDADE DE PEDRO II

O nome opala é derivado de uma palavra do sânscrito (upala) para “pedra preciosa”. Essa pedra preciosa se subdivide em três grupos: as opalas preciosas (ou nobres), as opalas de fogo amarelo-vermelhas e as opalas comuns. A opala preciosa, em especial, é notável pelo magnífico jogo de cores produzido pela refração e reflexo da luz em sua substância incolor.
Hoje, as maiores jazidas de opala no mundo se encontram na Austrália, seguida do Brasil. Precisamente, no município de Pedro II - Piauí, são encontradas as únicas minas de opalas preciosas no Brasil e nas Américas.

NOSSA HISTÓRIA

Juscelino Araújo, nosso lapidário, começou a lapidar opalas a partir de um curso de lapidação realizado em Pedro II, no ano de 1987. Depois disso, seguiu adquirindo opalas brutas diretamente com garimpeiros da região para, mais tarde, em 1989, abrir a nossa empresa. Começamos somente com a lapidação de opalas e, em 1993, iniciamos o nosso trabalho de joalheria artesanal. 
Desde sempre, nós produzimos nossas jóias artesanalmente, somente com pedras naturais, prata 950 e ouro 18 quilates.

LOJAS FÍSICAS

Av. Coronel Cordeiro, 672, Pedro II, Piauí

Central de Artesanato Mestre Dezinho, loja 16, Teresina, Piauí